Torneio celebra a história do Colégio São Luís, um dos berços do futebol no Brasil

A Copa de Futsal para Pais Padre José Maria Mantero, um dos eventos do calendário comemorativo dos 150 anos do Colégio São Luís, chegou ao fim na quarta-feira, dia 22 de novembro, após seis rodadas de partidas disputadas com muita emoção por oito equipes e mais de 100 pais.

O time bate-bolão sagrou-se campeão, com um placar de 5 a 0 contra a equipe Itu. A decisão do terceiro lugar, entre os times Mariano e Bonde Avenida, teve empate no tempo normal (5 a 5) e seguiu para os pênaltis, quando Bonde Avenida venceu por 5 gols a 4.

“Foi muito legal ver as famílias torcendo por seus pais, com faixas, bexigas e até chuva de papel picado para festejar a entrega dos troféus e medalhas”, afirma Leandro Sanches, coordenador de Educação Física. “Em toda a Copa, os jogos tiveram um bom nível técnico e, principalmente, muito fair play”.

O nome da Copa

Padre Mantero foi um importante educador da história do Colégio São Luís, que liderou o colégio como reitor entre 1877 e 1893. Por volta de 1870, numa viagem para conhecer novidades pedagógicas, o jesuíta trouxe da Europa duas bolas de capotão e um manual de jogos escolares. Usadas inicialmente em brincadeiras apelidadas de “bate-bolão”, em que os meninos chutavam a bola contra os muros, foram aos poucos incorporando regras, até virar um esporte muito parecido com o futebol oficial. Essa história está registrada no livro “Pontapé Inicial para o Futebol no Brasil”, que você pode conferir aqui.

Seguindo a ideia de celebrar a história do Colégio São Luís, os nomes dos times também remetiam a algum símbolo ou episódio marcante nos 150 anos. Entre outros, havia os “Amigos do Adolpho”, em menção ao 1º aluno matriculado, o “Bonde Avenida”, que relembrava o meio transporte mais utilizado pelos alunos na década de 1940 e o “Imperador”, em alusão à visita de Dom Pedro II ao Colégio em Itu.

Confira as tabelas e os resultados dos jogos clicando aqui.