Notícias

Voluntariado Jovem 2024

A experiência de voluntariado com estudantes dos colégios da RJE foi norteada pela nova campanha da Província dos Jesuítas no Brasil: “Ser mais com os demais”

De 30 de junho a 5 de julho, os estudantes do Ensino Médio de três colégios da Rede Jesuíta de Educação (RJE) – Colégio São Luís (São Paulo/SP), Colégio Catarinense (Florianópolis/SC) e Colégio São Francisco Xavier (São Paulo/SP) – participaram do Voluntariado Jovem, promovido pelo Centro Magis Anchietanum, na cidade de São Paulo. Ao longo de uma semana intensa de trabalho voluntário, de oração e de vida comunitária, os participantes puderam viver e sentir, na prática, a experiência de ser mais com os demais, conforme propõe a nova campanha lançada pela Província dos Jesuítas no Brasil. 

Divididos em três grupos e acompanhados pelos membros da área de Formação Cristã de cada colégio, os jovens se envolveram na rotina de trabalho do Arsenal da Esperança, no bairro da Mooca, e de duas obras do SEFRAS – Ação Social Franciscana: a Casa Franciscana, no Cambuci, e o Núcleo de Convivência para Adultos em Situação de Rua conhecido como Chá do Padre, localizado na Sé, no prédio do Convento de São Francisco de Assis. Nesses locais, os estudantes realizaram tarefas como limpeza dos ambientes, separação e organização de doações, e preparo e distribuição de alimentos. Além disso, interagiram e aprenderam com os colaboradores dessas obras e com as pessoas atendidas por elas. 

A partir desse contato com realidades tão diferentes das suas, os estudantes puderam despertar a sua atenção ao apelo que Deus nos faz, que é o de encontrá-lo no rosto daqueles mais necessitados e, em tudo, amá-lo e servi-lo. Assim, além do serviço operacional, os jovens exerceram também a escuta, conhecendo as histórias de vida das pessoas assistidas e adquirindo outras perspectivas sobre os direitos básicos de moradia, alimentação, saúde e suporte emocional. A partir do que ouviram e observaram, tiveram a chance de refletir sobre como a falta desses elementos estruturantes podem gerar condições de abandono, fome, vício, violência etc. 

Além dessas experiências, que eram vividas durante o dia, os jovens voluntários se reuniam à noite, no Anchietanum, onde estavam hospedados, para partilhar suas vivências e entrar em contato com os afetos, as emoções e os sentimentos despertados por elas, ou, como dizia Santo Inácio de Loyola, para “sentir e saborear as coisas internamente”. Nesse horário, também participavam de oficinas e momentos de espiritualidade, responsáveis por ajudar na assimilação dos acontecimentos do dia. Todas essas atividades, realizadas de forma coletiva, promoveram uma forte integração entre os jovens e, consequentemente, fortaleceram os vínculos entre os colégios da RJE participantes. 

Ao término da semana, o que se observou nos jovens foi a presença de marcas profundas deixadas pela experiência, pois eles se reconheceram mais compassivos com o outro, mais conscientes de seu papel no mundo e mais motivados a construir um futuro cheio de esperança.  

Confira as fotos dos 6 dias do Voluntariado Jovem

Arsenal da Esperança

SEFRAS – Ação Social Franciscana: a Casa Franciscana

Núcleo de Convivência para Adultos em Situação de Rua

 Momentos de formação