Programa opcional reforça a preparação para vestibulares e dá mais segurança aos alunos na resolução de provas

Com o objetivo de reforçar o preparo dos alunos para o ingresso nas melhores instituições de Ensino Superior, de modo a permitir o caminho profissional escolhido por cada aluno, o Colégio São Luís criou a modalidade dos “Cursos Especiais”.

Oferecidos nas tardes de sexta e manhãs de sábado, com 80% dos professores especializados em aulas pré-vestibular, os cursinhos têm enfoque nas grandes áreas do conhecimento: Humanas, Exatas e Biológicas.

“A ideia era dar mais tranquilidade e segurança aos alunos, uma vez que uma boa formação eles já têm”, comenta a professora Wanda Lucas, uma das idealizadoras do curso. Por isso, o Colégio optou por trabalhar em cima de questões originais de vestibulares, treinando assim a habilidade de resolução de prova.

“Estamos muito contentes com a enorme adesão dos alunos e com a seriedade com que eles têm participado das aulas”, diz o professor Filippo Fogaccia, o outro líder do projeto. Há 140 alunos matriculados e uma frequência que gira em torno de 90%, mesmo nos sábados que antecedem as semanas de prova. “E olha que cobramos apenas uma taxa simbólica de matrícula – não há custo por mês”, acrescenta.

Wanda e Filippo contam que o cursinho dentro do Colégio surtiu um efeito motivacional maior do que esperavam. Poucos alunos têm faltado às aulas regulares da tarde para estudar por conta própria. E a aproximação com os colegas do Noturno – há cerca de 30 alunos matriculados – injetou mais ânimo e garra na turma. “É legal perceber que tem mais gente na luta, querendo a mesma coisa”, observa Beatriz Reiter, aluna do diurno, que pretende cursar Relações Internacionais. Sua xará do Noturno, Beatriz Bezerra, sabe do privilégio que tem por frequentar uma escola de excelência como o São Luís e segue confiante em seu sonho: “Quero passar direto em Medicina e tenho estudado muito para isso”.