História

O Colégio São Luís abrigava, há muitos anos, uma coleção de animais taxidermizados e também vários equipamentos e vidrarias de laboratório antigos, de inestimável valor histórico. Partindo-se do pressuposto de que as exposições em museus apresentam um grande potencial educativo , em outubro de 2006, a equipe de professores de Ciências e Biologia do Colégio São Luís teve a ideia de organizar um museu que se constituísse em um ambiente interativo, capaz de favorecer a realização de atividades de ensino aprendizagem dinâmicas e variadas. A proposta era criar dois ambientes: o Museu da História das Ciências, contendo vidrarias e equipamentos antigos e um Museu Biológico para abrigar os animais taxidermizados.

Em 2007 a diretoria do colégio aprovou a instalação dos museus e a artista plástica Beatriz Montobbio foi convidada a criar os dioramas, representações artísticas de ambientes naturais, para a inclusão dos referidos animais. A artista plástica Beatriz Montobbio e a professora de Ciências Margarete Sevilha realizaram um levantamento fotográfico do acervo de nosso Colégio e visitaram o Museu de Zoologia da USP para o início das pesquisas. Em outubro do mesmo ano foram apresentados e aprovados pela Diretoria os primeiros esboços do diorama.

No final de outubro de 2007, juntou-se à equipe Liliana Cardinalli, responsável pela coordenação executiva do projeto. Em novembro do mesmo ano lsnard Souza Rubim, juntou-se também à equipe para realizar o trabalho de identificação e restauro dos animais e montagem do diorama. Os professores Carlos Eduardo Garcia , Margarete da Penha Sevilha e Marcelo Suehara iniciaram o levantamento das informações sobre as espécies a fim de fornecer subsídios para a execução do projeto.